4 formas de recuperar carrinho abandonado no WooCommerce

Eu não encontrei os dados gerais do ano passado, mas em 2017 a média brasileira para abandono de carrinhos de compras chegou a mais de 80% dos visitantes. Eu já escrevi aqui no site 3 motivos porque os carrinhos são abandonados no WooCommerce. Isso acontece por diversos motivos, e cada uma requer uma forma diferente de correção. Antes de entender o que causa carrinhos abandonados, vamos ver como recuperá-los quando isso acontece.

Recuperar carrinhos no WooCommerce

Existem literalmente dezenas de soluções para carrinhos abandonados no WooCommerce. Eu vou listar aqui as que eu já usei e confio. Todas elas eu conheço os resultados que dão e pessoalmente as utilizo há muito tempo em diferentes projetos, com diferentes objetivos.

Abandoned Cart Lite for WooCommerce

Vamos começar com um plugin gratuito que pode ser baixado aqui. Por ser um plugin grátis, possui algumas limitações naturais, mas vale a pena o teste. Pode ser que traga bons resultados.

Ele possui tantos recursos quanto ferramentas pagas. Salva detalhes das conversões, envia e-mails automáticos e ainda permite incluir variáveis com total do pedido ou nome do cliente no e-mail.

Um ponto negativo, que as demais plataformas sugeridas aqui não tem, é que ele só pega o e-mail do cliente na página do checkout. Então se o cliente preencheu o e-mail na newsletter de 10% de desconto mas não preencheu no checkout ele não consegue capturar este usuário como um carrinho abandonado.

CartStack

Essa ferramenta é excelente e funciona muito bem. Eles cobram R$ 49,00 de instalação e depois disso a cobrança é com base na taxa de conversão dos carrinhos abandonados. É uma forma justa de se cobrar (há um pequeno valor mínimo).

Eu gosto dela porque tudo é configurado externamente ao WooCommerce. Ou seja: você instala um script no seu site e eles processam os carrinhos abandonados no servidor deles utilizando a inteligência deles.

No site deles não encontrei informações a respeito, mas pelo que percebi por experiência própria é que eles cruzam informações dos sites para enviar lembretes mesmo que o cliente não insira o e-mail no seu site. Essa é uma percepção pessoal, não tenho certeza se é verdade. Se for, desconsiderando o fator privacidade, pode ser um diferencial que ajuda a vender. Teste.

Automatewoo

Este é um plugin incrível para WooCommerce. Atualmente ele é mantido pela mesma equipe que desenvolve o plugin WooCommerce Subscriptions, a extensão para WooCommerce que mais vende.

Ele serve para muito mais do que recuperar carrinhos. Ele serve inclusive para criar sequências de e-mails personalizadas. Aqui no site eu uso para enviar conteúdos específicos de determinados plugins do WooCommerce para quem já é cliente.

Mas com Automatewoo também é possível usar para separar clientes comuns de clientes VIPs, como já escrevi aqui. Dentre outras mil funções. Voltando ao carrinho abandonado…

Ele funciona diretamente no seu WordPress. Ele é bastante otimizado e você pode criar bastante personalizações e pegar informações bem específicas do perfil do cliente que com outras soluções externas não é possível.

Até pouco tempo eu utilizava ele para recuperar carrinhos abandonados aqui no site, mas mudei para realizar alguns testes com a próxima ferramenta.

Jilt

Esta ferramenta externa é bastante integrada ao WooCommerce. Ela possui recursos interessantes como capturar o e-mail do cliente assim que ele clica no botão de adicionar ao carrinho.

Você controla tudo de um painel externo e acompanha todos os fluxos e pode pausar a sequência de e-mails a qualquer momento. A ferramenta ainda fornece relatórios detalhados de como as conversões e carrinhos abandonados estão indo.

Eu estou gostando bastante e os resultados são satisfatórios. Mas é importante notar o custo mensal. Eles cobram um valor com base no total de e-mails que são enviados mensalmente. Não se trata de recuperação de carrinhos, mas de clientes. Para uma loja com 200 pedidos mensais, eles estimam que o custo será 49 dólares. O que pode ser bastante caro para lojas de ticket médio baixo. Vale analisar. Mas há uma opção grátis para até 25 usuários mensais. Vale o teste. Mesmo que você instale sem enviar e-mails, apenas para ter uma noção de quantos e-mails eles conseguem capturar no seu site.


Escreva e-mails que convertam

A maioria dessas ferramentas envia e-mails apenas. É possível enviar WhatsApp para pedidos no WooCommerce (aqui), mas é difícil capturar o telefone do cliente de forma válida para automatizar isso – pode ser que apareça quando o WhatsApp possuir uma API oficial. Algumas dicas ajudam a converter mais os e-mails enviados aos clientes.

  • Ofereça cupons de desconto. Mas faça isso na sequência do segundo ou terceiro e-mail, é possível converter sem oferecer descontos extras.
  • Adicione reviews nos e-mails para mostrar outros clientes satisfeitos.
  • Personalize: adicione mais informações sobre os produtos abandonados, inclua detalhes do pedido e, se possível, formas de pagamento facilitadas
  • Faça outros tipos de campanhas: às vezes os clientes podem demorar a verificar e-mails, então experimente adicionar estes clientes a remarketing do Facebook ou Instagram.

Estas são dicas práticas que podem ajudar sua loja a converter mais e lucrar mais no WooCommerce. Se você tem alguma dica que usa e funciona, compartilhe nos comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *